Gesso no apê: primeira etapa quase pronta

Finzinho do feriado prolongado, depois de passar um bom tempo dele dedicado ao apartamento, vim aqui colocar algumas fotos do gesso, como prometido. Vale lembrar que ainda falta lixar, pintar e colocar os spots, então ainda não está tão bonito (principalmente o corredor, que precisa de um bom talento!).

Como decidimos nós mesmos lixar e pintar o apartamento, começamos a lixar agora nestes dias de feriado prolongado, mas ainda tem bastante trabalho pela frente!

Na sala, rebaixamos apenas um pequeno espaço da entrada:

Teto rebaixado com gesso na entrada do apartamento

Do outro lado da sala, foi feito um cortineiro pequeno:

Sanca de gesso com cortineiro

Nos dois quartos e suíte foi colocada uma moldura simples:

Moldura de gesso

E esse é o mencionado corredor, que ainda vai dar bastante trabalho:

Teto rebaixado com gesso

Mari Dahrug

Enxoval

Enxoval

Mais uma vez demorei demais pra atualizar o blog, mas realmente não é fácil dar conta de cuidar da vida profissional, relacionamento, tentar ter um pingo que seja de vida social, planejar casamento e reforma do apto, estudar, e por aí vai… Aí, as poucas horinhas que sobram, sou humana e acabo me rendendo aos meus vícios (leia-se: seriados), rs. Mas hoje vim falar um pouco sobre enxoval.

Eu nunca fui muito tradicional nesse aspecto. Sempre pensei de um jeito muito prático: perto do casamento compraria tudo que fosse preciso e pronto. Mas quando começamos a falar em casamento, minha mãe já se prontificou a ir comprando estas coisas para mim, desde que fosse um pouco por vez. Como ajuda (principalmente financeira) nesta fase nunca é demais, obviamente aceitamos.

Primeiro, compramos a parte de banho (quatro jogos de toalhas, algumas avulsas e dois roupões). Depois de pago, fomos à parte de cama: quatro jogos de lençóis, alguns avulsos, edredon, cobertor e colcha de casal.

Os complementos e coisas para a cozinha ficarão para o ano que vem. A única coisa que compramos foram três panos de prato da revistinha da Avon, mas só porque achei muito fofas (apesar de não ter a menos vontade de usá-las, rs).

Para quem também está com a data marcada e não sabe o que é necessário, segue sugestão de lista básica:

Cama
1 protetor de colchão (principalmente para quem tem alergia)
4 protetores de travesseiro
4 jogos de lençol de casal (lençol com elástico, lençol solto e fronhas)
1 edredon
1 cobertor
1 manta
1 colcha
4 travesseiros

Banho
4 jogos completos (toalhas de banho, rosto e piso)
6 roalhas de mão
2 toalhas para piso
1 rapete de borracha para o box
2 roupões

Mesa/cozinha
4 toalhas de mesa (2 para o dia a dia e 2 para ocasiões especiais)
2 jogos americanos (para 6 pessoas)
10 panos de prato
2 aventais
2 pegadores de panela
3 panos de chão
3 flanelas

* Além disso, é bom ter algumas coisas para quando receber hóspedes (travesseiros, lençóis, toalhas de banho, edredon etc)

Claro que isso é o básico! Certamente no dia a dia do apartamento novo será necessário adquirir coisinhas novas.

Mari Dahrug

Data do casamento: 8 de dezembro de 2012!

Abandonei o blog por tanto tempo que cheguei a pensar em desistir dele. Muitas coisas aconteceram nesses últimos dois meses: eu saí de férias e eu e o Thiago fomos para Buenos Aires (foto ao lado… ah, férias! que saudade!) e logo em seguida o Thiago teve que fazer uma cirurgia de ligamento do pé (e lá se foi o resto das minhas férias e todos os fins de semana até agora sendo babá! rs), etc e tal. Mas enfim, estamos de volta e com novidades! Definimo a data do casamento!

Nos primeiros posts do blog descrevemos a nossa maratona de visitas a espaços para casamento. Fomos ao Piazza, Pingus, Samyr, Esplannada, Mansão Padoveze, Estação Jardim e Parmenion. No fim das contas, ficaram somente três a serem considerados (Samyr, Padoveze e Estação Jardim), pelos motivos que vocês podem conferir nestes posts anteriores.

Então chegou a hora de decidir, até porque estava difícil conseguir uma data. Logo eliminamos o Padoveze. Apesar de ser legal e ter diversas vantagens, acho que o lugar não nos chamou tanta atenção quanto os outros dois. O Estação Jardim é realmente um sonho, mas não pudemos deixar de considerar que a sala para cerimônia é muito pequena. Além disso, além do custo já ser um pouco mais alto, o salão exige outros custos (altos) que não estávamos considerando, como a locação de móveis para o lounge. Então preferimos o Samyr Buffet. Decisão tomada, corremos para reservar a data.

Eles tinham dois sábados disponíveis no período que estávamos procurando: 3 de novembro/12 e 8 de dezembro/12. Como a primeira vem na sequência de um feriado (de finados, para ajudar), optamos pela segunda, e é isso. Finalmente começamos a ter uma definição: temos a data, o lugar e o Buffet.

Além disso, finalmente começamos as “obras” no apartamento, mas isso fica para o próximo post.

Então feliz dia das crianças!

Mari Dahrug

Apartamento novo: usando cores na decoração

Ainda não mostrei por aqui as fotos de como está nosso apartamento, farei isso em breve, mas já dá para adiantar: está “cru”. Para não dizer que não fizemos nada desde que recebemos as chaves, fizemos uma pequena reforma na cozinha, para levar os canos de água quente até as torneiras da pia (o que, diga-se de passagem, a construtora já poderia ter feito, mas não fez) e fizemos o fechamento da sacada, somente porque ganhamos. Mas como temos buscado muita inspiração para decorá-lo, hoje vou falar sobre as cores na decoração.

Então as ideias, dúvidas e especulações sobre o que fazer são muitas (e, acreditem, cada dia que conversamos sobre o assunto mudamos alguma coisa). A verdade é que está tudo beeeem indefinido. Uma das dúvidas é em relação às cores que iremos utilizar. Pensando nisso, resolvi fazer uma pequena pesquisa sobre algumas opções e os significados de cada uma.

cores na decoração - Branco Branco: Cor neutra, que representa pureza. Tem as vantagens de ampliar espaços e combinar com qualquer ambiente e decoração.

Decoração em tons devermelho

Vermelho: Demonstra energia, paixão e intensidade. Por estimular o apetite, é uma boa ideia para sala de jantar, por exemplo. No entanto, quando em excesso, torna-se um tom agressivo. Eu, particularmente, gosto muito do vermelho, se usado com bom gosto, como nas fotos.

Decoração em tons laranja

Laranja: Traz calor, equilíbrio e confiança. É uma cor ótima para comunicação. Na minha opinião, é uma das cores mais versáteis, pois cai bem tanto numa sala, quanto na cozinha, banheiro ou quarto, de acordo com os tons.

Decoração com a cor roxo

Roxo: Desperta a criatividade, o intelecto e também o misticismo. Em tons mais claros, também simboliza a calma. Estou numa fase meio roxa, então posso ser um pouco tendenciosa aqui. Acho que cai muito bem para a sala, escritório ou quarto.

Decoração em azul

Azul: Traz tranquilidade e equilíbrio emocional, apesar de ser uma cor “fria”. Transmite calma e favorece o raciocínio e a intuição. Penso em utilizar em um escritório, caso tenha um.

Decoração em verde

Verde: Cor da paz e esperança, além de remeter à natureza. Para ser sincera, nunca gostei muito de verde, mas recentemente passei a “enxergar esta cor com outros olhos”. Penso seriamente em utilizá-la para o quarto, em algum tom parecido com o da foto.

Decoração em amarelo

Amarelo: Transmite alegria e prosperidade. Por ser uma cor quente, traz a sensação de aconchego e secura.

Decoração em preto

Preto: Remete à sofisticação e também combina com tudo. Deve ser usado com moderação, pois diminui os ambientes. Acho que eu não utilizaria preto em uma parede, por exemplo. No entanto, ficaria um charme na decoração de uma sala, com um sofá ou móveis nesta cor. Além disso, pretendo, na cozinha, colocar móveis preto e brancos (de preferência com muitos pinguins na decoração).

Nós pretendemos pintar nós mesmos o apartamento. Além de ser divertido, como ele é pequeno e está vazio, sem piso e sem móveis, acho que será fácil. Eu gosto de ambientes coloridos (claro, sem exageros), então certamente não teremos muitas paredes branquinhas.

Então (relativamente) em breve começaremos os testes para definir as cores. Uma dica bem legal é comprar aquelas latas pequenininhas que servem justamente para isso. Elas são baratas (a última vez que chequei, custavam R$5) e podem evitar o gasto (e trabalho) muito maior, de fazer tudo e se arrepender depois.

Mari Dahrug

Parmenion Buffet

Parmenion BuffetTerminando o dia dos buffets, o quarto e último (o dia foi cansativo, acreditem!). O Parmenion Buffet também é bem bonito. Eles têm dois espaços diferentes, ambos com um pé-direito gigantesco, maior que o do Mansão Padoveze (segundo a atendente, 12 metros). O Espaço Lounge foi inaugurado recentemente. Ele é bem semelhante ao outro, mas um pouco menor e todo moderno, com luzes embutidas e tudo mais.

A estrutura do lugar é muito boa, tem telões (pagos a parte) já integrado à arquitetura, elevador (um para cada espaço), espaço para banda, etc. Até a cozinha, segundo a atendente, é bem equipada.

Não tem nada de tão diferente dos outros, mas lembra muito o Padoveze: salão principal com pé direito enorme, um piso intermediário para coquetel ou lounge e o terceiro piso tipo mezanino para a cerimônia (de novo o problema da quantidade de cadeiras).

Mas o orçamento final dele, com todas as opções semelhantes, ficou mais caro que o Estação Jardim. Como gostamos mais da Estação, tiramos o Parmenion Buffet da lista.

Mari Dahrug

Mansão Padoveze

Mansão PadovezeA Mansão Padoveze, em Santo André, certamente nos surpreendeu. Talvez pela fama e status que tem aqui na região, fomos achando que cairíamos de costas com o valor, e aconteceu simplesmente o contrário.

De todos os lugares que fomos, este daria uma das festas (ok, não dá para dizer que é barato, eu ainda acho que é muito dinheiro para ser gasto em um dia, mas uma das menos caras).

Mansão Padoveze

O lugar é grande, tem um salão principal com pé direito enorme e que cabe facilmente 350 pessoas para um jantar. Possui um piso intermediário em que pode ser servido o coquetel, fazer um lounge, ou qualquer coisa e o mezanino para a realização da cerimônia. Aqui também não cabem todos sentados, mas cabe mais que o Estação Jardim.

O salão é majestoso, também tem o seu lustre enorme, porém parece que está um pouco “gasto”. A impressão que dá ao entrar no buffet, pelo menos sem decoração, é que ele precisa de uma revitalizada. Nada que impeça uma grande festa, mas todos os outros que vimos são relativamente novos perto da Mansão.

O espaço possui elevador e não tem muita frescura com nenhum item a ser negociado. É possível contratar qualquer fornecedor, é fácil negociar valores…

Está na lista, bem cotado por sinal. Mas, a não ser por valor, não vence os outros como o Samyr ou Piazza.
mais baratas

Mari Dahrug